K∆OS

Ensaio fotográfico do Coletivo Boitatá inspirado em criaturas surreais da mata. Fizemos toda a produção, figurino e edição.


Uma das perguntas que surgem à cabeça ao olhar este ensaio seria: por que KAOS?

A ideia do nome se deu por meio de uma fusão de ideias e conceitos envolvendo o deus Caos, uma das primeiras divindades a surgir no universo. Dono de uma estética andrógena, possui em si a essência masculina e feminina de todos os seres humanos.

Além de Caos, outras criaturas mitológicas também serviram como inspiração para os personagens, que traziam consigo a contemplação do sobrenatural, do místico e desconhecido. Além da mitologia, um outro ponto explorado esteticamente foi o aspecto sombrio no qual os personagens estavam imersos.

Com ideias mais estruturadas e alguns rabiscos em mãos, foi possível pensar mais claramente no espaço físico do ensaio, na confecção de cada peça, no peso que cada elemento teria em cena - figurinos, acessórios e maquiagens.

Aos poucos, cada um dos cinco personagem foi tomando forma, alguns ganharam chifres, outros asas, cajados e faixas amarradas ao corpo. Com exceção de um dos figurinos, de cor branca, todos tiveram como base o uso de cores terrosas, escuras e elementos fortes.
Assim, nasce o ensaio KAOS, uma mistura mitológica formada por personagens surreais  que carrega, em si, os mistérios do mundo sobrenatural e sombrio dos seres que povoam as matas.
K∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OSK∆OS
 
 
 

 

Realização e produção: Coletivo Boitatá
Modelos: Luiz Eduardo Lopes, Raxi Figueiredo,
Larissa Araujo, Gabriel Fernandes e Lucas Fadel.
Maquiagem: Letícia Missurini.